sexta-feira, 21 de novembro de 2014

SOMOS GUERREIRAS


"BRUXAS... é como chamam por aí...
As insubordinadas, divergentes, antenadas.
Sábias, ditas loucas... profundas, espiritualizadas.
As perigosas...
Mulheres que lutam...contra preconceitos, ignorância, machismo, opressão, violência, exploração.
Mulheres que amam, sem medo de parecerem impuras, se envolvem, se entregam, se rendem...verdadeiramente femininas...
Mulheres que cuidam, dos próprios filhos, dos filhos de todos, das chagas de muitos, das milenares e desprezadas tradições originais, da fé, da natureza, dos conhecimentos intuitivos, marca que jamais deveria ser apagada...
Mulheres que guardam...em si, o poder de gestar, de nutrir, de guiar...a vida!
Mulheres que preservam...as últimas chances do mundo sobreviver ao caos...os saberes simples das ervas, da compaixão, do respeito a toda Criação Divina.
Sim...as guardiãs de tudo que é digno e eterno... tão bem resolvidas.
Que despertam amor e ódio.
Mulheres que servem...e vivem à amparar umas às outras, totalmente descrentes da subcultura da competição.
Mulheres que estudam, lêem, observam, questionam, argumentam, se impõem...
Mulheres que sofrem...por não se ajoelhar ante à repressão dos sistemas...
Mulheres fantásticas, surreais, feiticeiras, endiabradas, filhas do mal?
Não...mulheres como vocês e eu.
Foram perseguidas e queimadas e ainda são amordaçadas...eram mulheres...eram irmãs, são BRUXAS! E devem meter muito medo...
E você?
As teme?
Ou é uma delas? " 

FONTE - Gi Stadnicki

SABEDORIAS E PENSAMENTOS DAS BRUXAS


" A vida nos ensina tanta coisa, algumas construtivas, outras nem tanto assim, (que só servem para nos causar angustia e desgosto). Dizem que temos o livre arbítrio, que nossos caminhos são nossas escolhas, mas seriam elas mesmo nossas escolhas ou simplesmente o destino já esta traçado para seguirmos aquele caminho. *Ai pensamos e se tivéssemos seguido o outro caminho... E se! Mas você não seguiu.* Fatos percorrem nossa vida, atos nos fazem pensar, mas as escolhas! As escolhas, essas nos assustam. Escolhemos nossos caminhos, passamos por problemas, crises, dificuldades que nunca imaginamos passar, e quando esta tudo bem, que pensamos! Agora esta tudo certo. A roda gira e a vida nos prega peças novamente. O quebra-cabeça nunca acaba, ele só termina quando um dia os olhos fecharmos pra sempre. Mas ai eu pergunto. Sera? "

FONTE: 3FASESDALUA


"O tolo procura a felicidade à distância,
o sábio a faz crescer a seus pés..." - James Oppenheim


"Algumas pessoas se destacam para nós (...) Não importa quando as
encontramos no nosso caminho. Parece que estão na nossa vida desde sempre e que mesmo depois dela permanecerão conosco. É tão rico compartilhar a jornada com elas que nos surpreende lembrar de que houve um tempo em que ainda não sabíamos que existiam. É até possível que tenhamos sentido saudade mesmo antes de conhecê-las. O que sentimos vibra além dos papéis, das afinidades, da roupa de gente que usam. Transcende a forma. Remete à essência. Toca o que a gente não vê. O que não passa. O que é (...) Com elas, o coração da gente descansa. Nós nos sentimos em casa, descalços, vestidos de nós mesmos. O afeto flui com facilidade rara. Somos aceitos, amados, bem-vindos, quando o tempo é de sol e quando o tempo é de chuva. Na expressão das nossas virtudes e na revelação das nossas limitações. Com elas, experimentamos mais nitidamente a dádiva da troca nesse longo caminho de aprendizado do amor. "

FONTE: Ana Jácomo


"Nunca cedas à tristeza nem ao desânimo. Eles tornam nossas vidas mais difíceis. Portanto, sempre que venha a ti, deves repeli-lo imediatamente. Fixa o teu pensamento naquilo que estiveres fazendo, a fim de que seja feito com perfeição. Não deixes a tua mente ociosa, porém mantêm sempre nela bons pensamentos em reserva, prontos a avançar quando ela estiver livre. Não abandone sua essência, emprega diariamente o poder do teu pensamento em bons propósitos; sê uma força orientada para a evolução.” 

FONTE– Krishnamurti

"Compreender que há outros pontos de vista, é o início da Sabedoria."

FONTE: Thomas Campbel 


A prática da Arte transforma a Bruxa. Por conseqüência, a Bruxa transforma a vida cotidiana em Bruxaria. Cem dias não fazem uma Bruxa. Uma Bruxa transforma cem dias comuns em cem dias de Bruxaria.”    

FONTE: Emanuel J Santos


"Bruxaria é um modo de vida para indivíduos, não para massas; é tanto uma prática quanto um sacerdócio e não uma vestimenta que pode ser jogada fora quando as coisas ficarem difíceis." -   

FONTE: Ly de Angeles



"Quando morremos,nada pode ser levado conosco,com a exceção das sementes lançadas por nosso trabalho e do nosso conhecimento."

FONTE: Dalai Lama

BRUXAS.....................


Somente elas, somente o tudo
O tudo que as consome, o nada que as satisfaz
Por dentro situadas estão na morte
A morte que a tudo assola
No vento da fria noite
Que ostenta magia e gloria.
Talvez no pecado se escondam
Contra aqueles que a elas esnobam
Empobrecem as almas julgadas e fúteis
Ao mais tolo dos inconscientes réus
Sabendo que a virtude do auto conhecimento
Traz angustia ardil em uma limitada vida medíocre.
As bruxas são tolas somente
Em saber lidar com os próprios sentimentos
Na intolerância de um julgo desigual
Dos tormentos de uma sociedade mórbida
Mas que condena aos que dela se apossam
Ainda que a mesma, condenada a solidão.
Da natureza, proveitos e dedicações
Canções induzidas ao louvor
Magia de um coração que ouve
Sussurros e lamentações de dor
Daqueles que na terra se encontram e lamentam
Por tão fatídico e inconsolável fim.
Na morte ostentam um brilho
De qualquer situação contundente
Esperando vitória sobre o inexplicável
E uma explicação sensata sobre o nada
O nada que não podemos entender
Mas o tudo com o qual não sabemos lidar.


Então me pergunto sem saber
Se difere algo que não se sabe
Não se sabe nada do que se tem
Se tem apenas um vazio bruxo na mente
E um cheio de ilusões notórias
Aqueles que percebem a vida apenas.
Então nesta confusão de historia
Apenas se julga um tudo
Quando o nada pertence a algo
Que não se encontra em lugar nenhum
Sabendo que dessa historia macabra
Apenas as Bruxas sabem a resposta.
No momento certo
Na medida exata 
Na calada obscura
No pensamento calmo
Elas planejam tudo
Pra que nunca saibamos nada.

FONTE: DESCONHECIDA

sábado, 15 de novembro de 2014

"Caminhando na trilha da Bruxaria"


Vou vivendo meu dia a dia
Utilizo as forças dos elementais
Das ervas, dos animais e dos cristais
Reverencio a Lua e o Sol
Meu Deus e minha Deusa são como um grande Farol
Invoco todas as forças no Universo
Para que suma o que é perverso
Este momento exige grande esforço
Alguma luz, por favor, preciso de reforço!
Além de feitiços, rituais e poções
Nunca me esquecerei das orações
A trilha mais bonita
A trilha que minha alma necessita
Peço que a magia em mim nunca morra
E se eu me cansar, que um amigo me socorra
Um dia espinhos na trilha encontrarei
Mas o melhor deles eu trarei
O céu pode escurecer
Mas farei de tudo para não me aborrecer
Haverá sempre aquele que nos engana
Mas a luz da trilha, confio, nunca me abandona
E se uma tempestade de fogo me surpreender
Terei forças, nada me fará retroceder
Sei também que por águas negras irei passar
Mas todo mal há de cessar
Nesta trilha nem sempre haverá companhia
Mas nem isto também tirará minha alegria
Porém se um dia faltar amor
Então descobrirei a verdadeira dor
Peço que isto nunca aconteça
Para que minha luz não pereça
Desejo e invoco toda a energia do Mundo
Tornai meu jardim fecundo!
Pois cada um de nós somos flores
Esperando a Primavera para mostrar suas cores..." 


FONTE: Rosea Bellator


SOLITÁRIO(a) é uma maneira de ser.....
Como uma bruxa solitária, Você nunca está sozinha. Eu ando na Terra em meu caminho (eu nunca estou sozinha) os espíritos das árvores me cumprimentam quando passo (eu nunca estou sozinha). O vento sussurra em meu ouvido (eu nunca estou sozinha). A chuva lava minhas lágrimas (eu nunca estou sozinha) A Lua me deseja Boa Noite (eu nunca estou sozinha) O Deus e a Deusa, O Senhor e a Senhora( Lord e Lady) , NÓS nunca estaremos sozinhas.....

FONTE:Desconhecido.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

SOMOS TODAS BRUXAS


Todos nós temos nossas máquinas de tempo. Algumas nos levam de volta, elas são chamadas recordações. Algumas nos levam adiante, elas são chamadas sonhos, mas sempre tenho que lembrar por tudo que minhas ancestrais passaram para que hoje eu sempre me recorde de que “Somos as netas de todas as Bruxas que vocês não conseguiram queimar”.. A Bruxa é aquela que tem que morrer. E foi exatamente isso que aconteceu na Idade Média.

Sei que toda Bruxa é um ser estranho, que não se “molda” ao mundo civilizado, e embora possua um pé neste mundo civilizado, possui o outro no mundo natural. Exatamente porque está, sobre esta cerca entre os dois mundos, consegue com certa facilidade ver onde estão os mortos e as deidades.

Certos pensamentos das Bruxas são como orações, há momentos em que, seja qual for a posição do corpo, a alma está, sempre, de joelhos, somos tão antigas como o tempo, somos misteriosa, contagiante é fascinante; Ser Bruxa é assumir seu lado feminino, sedutor é deixar fluir a magia que tem guardada dentro de si, é ser autentica. 



O caminhar de uma Bruxa é simplesmente andar, sonhar, apreciar, sorrir, correr, vibrar, se emocionar, perder a respiração por alguma tamanha emoção, retomar o folego outra vez... Silenciar quantas vezes precisar, ouvir a resposta, gritar quando precisar se libertar. Ouvir a quem deve-se ouvir, programar, aconselhar, curar. Permanecer caminhando...independente das dificuldades que vierem a surgir. Acreditar que pouco mais a frente os sonhos serão realizados, e o destino sendo alcançado. Insistir, perseverar, e não desanimar.

Por ser uma Bruxa aprendi a ser livre, a caminhar por ai sem pressa, a olhar o horizonte sem me preocupar com o anoitecer. Aprendi a ver a beleza de cada coisa no seu devido tempo, a olhar detalhes, a esperar a borboleta, só pra ter a graça dela pousar em mim. Aprendi a ter gosto pelo sorriso do outro, a vibrar com as vitórias de amigos, a comemorar cada alegria de cada ser. Aprendi a amar por amar, a me doar, a acreditar em sonhos. Aprendi a olhar em cada estrada a beleza de cada passo, a enxergar as cores da terra, a perceber o cheiro das flores. Aprendi que tem um mundo lindo além do que posso ver e imaginar.

Não existe um traço característico que identifique uma Bruxa. Ela pode ser jovem, velha, loira, morena, magra, gorda, feia ou formosa.... Pode-se apenas notar a maneira pela qual ela sorri por causa do sol e da chuva ou como seus olhos brilham ao admirar o vôo das gaivotas ou o movimento sinuoso de um gato. Ela ama a natureza e vive sentindo, muito mais do que pensando ou imaginando.

Sou Filha da Deusa e não há neste mundo nem nos céus quem possa contra mim...
Sou indomada por ser filha da Grande Mãe, Ela comanda meus passos e me protege de tudo e todos...
Sou livre pois minha Deusa assim me fez, de braços abertos pra liberdade...



Temos conteúdo interno que transcende a compreensão medíocre, simplória, temos idealismo na alma e no coração, trazemos nos olhos a luz do amanhecer e a serenidade do acaso. Admiramos paisagens, escutamos o som dos ventos. Mexemos com ervas e chás, somos primitivas e avançadas ao mesmo tempo. Cultuamos as sagradas tradições como forma de perpetuar as leis que regem o universo, passando de geração para geração a fonte renovadora da sabedoria milenar. Somos fortes e valentes, ao mesmo tempo humildes e serenas. Ficamos horas olhando as estrelas, tentando decifrar seus mistérios, e sempre conseguimos. Sou poderosa pois tenho a Sabedoria das Ancestrais, o Conhecimento da Arte e o Dom da Magia...

O espírito da Bruxa é único, vivo e misterioso. Adoramos a vida em todas as suas formas, rezamos para deuses esquecidos, embora sempre vivos, não aceitamos imposições, mas quase sempre nos impomos, às vezes abertamente, às vezes com astúcia... somos um espírito livre e apreciamos a liberdade alheia.

Quem usa o nome Bruxa para a maldade não sabe o que é ser Bruxa e realmente não é uma Bruxa,pode ser qualquer outra coisa menos Bruxa.
Hoje sou feliz de saber que posso fazer parte desse mundo, sempre admirei a crença e me identifico muito a ela. tenho meu próprio amuleto " Pentagrama " ganhei quando ainda era criança mas não sabia seu verdadeiro significado, agora sei e é por isso que me faz acreditar ainda mais que carrego dentro de mim o poder da magia..

Selma – 3fasesdadalua


domingo, 9 de novembro de 2014

BOM DIA amados do coração...


Obrigada minha Mãe, Grande Deusa e Grande Deus por mais um dia que começa. Por mais um dia em que pude contemplar a Luz do Dia e o brilho do sol...gratidão pelo ar que respiro, por me permitir caminhar mais um dia a estrada da vida.. Obrigada meu Deus e minha amada Deusa.

Gratidão minha senhora, pela liberdade que temos para te cultuar visto que em tantos lugares, pessoas morrem sem liberdade de expressão ou de credo... mas eu... todos os dias posso perceber-te comigo e a ti fazer minhas orações, na certeza de que serei ouvida(o).
Gratidão pela oportunidade de aprender diária e pela chance de poder, a cada dia evoluir. Gratidão pela humildade a que tens me ensinado e que me conserva no bom caminho.

Obrigada(o) pelo alimento farto, pelas vestes que aquecem meu corpo nos dias frios, obrigada pela vida enfim. Sou privilegiada (o).
Dai-me, senhora da minha vida, a sabedoria para que eu possa me conduzir neste dia, que o meu falar seja sempre condizente com meu agir e com a pessoa que eu sou. Que eu possa ser uma ponte para alcançar os que necessitam de amparo e força. Que a luz do amor que habita em mim possa reverberar e influenciar todos aqueles que por mim passar, levando luz, paz, amor, posto que é para isto que estamos aqui neste plano... para o serviço ao próximo.

Que tenhamos todos um dia harmônico, um dia de serenidade, leveza... que a fé e a esperança não nos desamparem e que tudo que há de lindo, reservado para nós possa nos alcançar.

Tenhamos todos um dia maravilhoso!
FONTE: A DAMA DO LAGO

EU E EU MESMA


Sou a dualidade, tenho dias de pura bondade
dias de rara maldade.
Uma dorme para
a outra acordar...
uma é sensível, delicada,
dengosa e manhosa,
a outra é imprevisível,
segura e vaidosa.
Uma fala de mansinho
e pede carinho,
a outra esconde seus medos
e declara os seus desejos.
Uma é amor, a outra é paixão,
uma flutua feito uma fada,
suave e delicada,
a outra tem a força de uma bruxa,
que enfeitiça e embriaga.
Uma é menina
que afaga e fascina,
brinca e ilumina.
A outra é mulher
que sabe o que quer,
ri de tudo, ri da morte.
Uma é dia, cheia de nostalgia,
alma bela, cheia de magia.
A outra é noite, chuvosa e fria,
insinuante e de alma vazia.
No meu eu, duas de mim,
conhecer as duas,
privilégio de poucos,
ter as duas...
privilégio de um!

FONTE: Marcia Mattoso

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...